aqui ou algum lugar

Reflexões de Cotidiano, crônicas sobre os aspectos mais corriqueiros das nossas vidas, do sentido da vida à mobilidade urbana, e tudo mais o que puder fazer aqui ou qualquer lugar melhor. Vamos pensar juntos?!

Turismo de Cotidiano. Um estilo de viajar, a partir de experiências e atenção sobre o dia-a-dia. Conhecer algum lugar além dos principais atrativos turísticos. Por seu sabores, cheiros, costumes e histórias que fazem qualquer local muito especial. Vamos viajar juntos?

Sabático, palavra de origem hebraica que significa repouso, é um período que algumas pessoas decidem tirar para repensar suas carreiras e vidas. Sair da rotina para tomar novos rumos. Conheça como foi a experiência!

Se joga! Mas com foco e precaução.

02/07/2012

5 Comentários

Acompanhar

Eu estava com medo. Apesar de não querer admitir, eu estava com medo sim. “Você tem que correr naquela direção, não pode parar no meio do caminho, precisamos de velocidade”, me dizia o instrutor do vôo de paragliding em Fethiye, na Turquia, literalmente antes da gente se jogar no meio do ar. Tinha criado coragem para fazer o vôo depois de conhecer três pessoas diferentes, vivas e inteiras (óbvio), afirmando que foi o máximo. Também já havia voado de balão na Capadócia, já estava no clima “experiências no ar” (risos).

Paragliding é uma das principais atrações nas belas praias de Fethyie e arredores, praia de gringo na Turquia, porque está cheia de ingleses e alemães. Como tal, tem razoável segurança. Eu tenho uma enorme vontade de saltar de paraquedas, mas ainda não tive oportunidade… hum, vamos assumir, ainda não tomei a atitude para fazer. Já o paragliding estava ali, na mão… E numa viagem como essa, a proposta é mesmo tentar coisas diferentes.

Será nessa viagem ou na vida? Testar coisas diferentes e tomar a atitude para fazer, mudar e realizar. Enquanto corria para o nada, escutando o instrutor na minha orelha “run and don’t sit!”, a expressão “se jogar” fez literalmente sentido para mim. Apesar do friozinho na barriga, mantive a velocidade até que meus pés não mais tocavam o chão. E a sensação foi maravilhosa! De repente estava ali, planando, voando, contemplando a natureza e sendo parte dela.

Não dava mais para pensar em nada, só admirar e, mais uma vez, estar presente no momento presente sem esforço, no vôo plano ou nas manobras com emoção (risos). Tanto que, depois de umas 15 solicitações “sorri para este lado” feitas pelo instrutor para as tradicionais fotos de vôo, eu falei que não precisava tirar tantas fotos assim. Barreiras de linguagem, ele entendeu que não era para tirar mais nenhuma e que eu não ia comprar nada. Acabei ficando sem as fotos mais legais perto da água. Mais outra lição: Não se arrepender. Logo depois dos desencontros de oferece/não oferece e compra/não compra, eu pensei, poxa, bem que eu queria ter as fotos todas. Mas aí tinha uma escolha: lamentar ou deixar pra lá, afinal, já estava feito e não teria mais como mudar. Inevitável questionar de novo: não será o mesmo na vida?

Foco, velocidade, atitude e resignação… estamos falando do que mesmo? Paragliding??!!

5 Comentários

Deixe seu comentário sobre Se joga! Mas com foco e precaução.

Faz sentido?! Compartilhe suas ideias também.

Rumo ao minimalismo! Ou nem tanto… coisas desnecessárias que carreguei durante a viagem.

12/12/2012

3 Comentários

Acompanhar

Viajar por mais de seis meses com apenas uma mochila nas costas é um belo desafio. Um dos maiores benefícios também é aprender a viver com pouco. De fato, precisamos de bem menos coisas do que imaginamos, mesmo que, respeitando uma tradicional preocupações femininas, seja fundamental ter diversas opções para não parecer que está sempre com a mesma roupa. Apesar de, quase sempre, usarmos as mesmas peças do armário corriqueiramente. Confesso que logo no começo eu não estava preparada com […]

Leia mais...

Desinformação e despreparo aumenta a confusão.

05/02/2014

1 Comentário

Acompanhar

A visão de quem estava na situação da parada ontem na linha vermelha do metrô em São Paulo. Já era começo da noite quando resolvi voltar para casa, apesar da claridade do pôr-do-sol às 19h20 nesse verão intenso. Depois de uma reunião produtiva na Zona Leste de São Paulo, me dirigi até o metrô para voltar à Zona Oeste da capital paulista onde moro. Ingênua, como uma das maiores defensoras do metrô e adepta convicta do transporte público, até elogiei […]

Leia mais...

Rumo ao minimalismo! Ou nem tanto… coisas desnecessárias que carreguei durante a viagem.

12/12/2012

3 Comentários

Acompanhar

Viajar por mais de seis meses com apenas uma mochila nas costas é um belo desafio. Um dos maiores benefícios também é aprender a viver com pouco. De fato, precisamos de bem menos coisas do que imaginamos, mesmo que, respeitando uma tradicional preocupações femininas, seja fundamental ter diversas opções para não parecer que está sempre com a mesma roupa. Apesar de, quase sempre, usarmos as mesmas peças do armário corriqueiramente. Confesso que logo no começo eu não estava preparada com […]

Leia mais...

Turismo de Cotidiano

22/03/2012

39 Comentários

Acompanhar

Cada um tem um estilo de viajar. Alguns são apaixonados por museus e castelos. Outros fascinados pela gastronomia. Há aqueles que aproveitam mais a noite do que o dia. Além dos muitos brasileiros que de verdade estão enlouquecidos com as compras. Com uma pitada de cada um desses estilos, descobri o meu estilo de viagem (e acredito que inclusive inventei o termo…): turismo de cotidiano. Sabe aquela caminhada despretensiosa por algum bairro, sem exatamente saber qual o destino final, observando […]

Leia mais...

Vegetariana com benefícios / Vegetarian with benefits

23/04/2012

17 Comentários

Acompanhar

A definição não poderia ser melhor e mais engraçada. Afinal, é realmente complicado dizer que você é uma “peixetariana”. Na maioria dos locais é mais fácil dizer que se é vegetariano, ainda mais quando você não sabe a língua. Mas aí alguém oferece uma opção com peixe ou frutos do mar… hummmm. Como eu sempre digo, não como nada que andou ou voou, só o que nadou! A expressão “vegetarian with benefits”, espontaneamente dita por Billy, querido amigo canadense, ainda […]

Leia mais...

Turismo de Cotidiano

22/03/2012

39 Comentários

Acompanhar

Cada um tem um estilo de viajar. Alguns são apaixonados por museus e castelos. Outros fascinados pela gastronomia. Há aqueles que aproveitam mais a noite do que o dia. Além dos muitos brasileiros que de verdade estão enlouquecidos com as compras. Com uma pitada de cada um desses estilos, descobri o meu estilo de viagem (e acredito que inclusive inventei o termo…): turismo de cotidiano. Sabe aquela caminhada despretensiosa por algum bairro, sem exatamente saber qual o destino final, observando […]

Leia mais...

Vegetariana com benefícios / Vegetarian with benefits

23/04/2012

17 Comentários

Acompanhar

A definição não poderia ser melhor e mais engraçada. Afinal, é realmente complicado dizer que você é uma “peixetariana”. Na maioria dos locais é mais fácil dizer que se é vegetariano, ainda mais quando você não sabe a língua. Mas aí alguém oferece uma opção com peixe ou frutos do mar… hummmm. Como eu sempre digo, não como nada que andou ou voou, só o que nadou! A expressão “vegetarian with benefits”, espontaneamente dita por Billy, querido amigo canadense, ainda […]

Leia mais...